terça-feira, 27 de abril de 2010

desabafo.

Sabe o que mais me deixa irritada? O que me deixa muito, muito put* da vida agora, neste exato momento? É saber que tudo o que eu fiz pra ele acabou sendo pra outra pessoa. Eu contei tudo o que um namorado perfeito deve fazer, dei todas as dicas de nós (meninas), disse tudo o que nós pensamos, como deve conquistar uma menina, fui além dos meus próprios limites, tudo tudo. E agora acabou. E eu penso 'ah, que merda! Tudo o que eu fiz, tudo o que eu construí vai pra outra agora!'. E eu acho que não tô errada em pensar assim não. Porr*, quem aconselhou á seguir a vontade de ter uma banda? Quem? Eu! E o que eu ganhei com isso? Nada! E nunca ganharei também, se tudo continuar assim. Acabo de saber agora que ele vai subir no palco que uma das minhas bandas preferidas vai subir também. E acha que se ele conseguir um mísero autógrafozinho do Diego, ele vai lembrar de pegar um pra mim também? Claro que não. Porque eu sou uma idiota mesmo. Preparei tudo e agora uma maria-palheta vai desfrutar de toda minha 'construção'. Ah, velho, isso é o que me indigna. E essas coisas que eu leio? PQP! Lulu? EU não chamava ele assim com 8 meses! Ah, que ódio velho! Não sei mais se vou chegar mais cedo pra ver ele, não sei mesmo. E se chegar, vou ficar séria, não vou ficar fazendo cara de 'ah, tá tudo bem agora que você tá aí!'. Até porque também, com certeeeeeza vão ter fãzinhas dele lá, e eu não vou fazer a menor diferença mesmo. Ahhhhh! E aquelas frases do tipo 'eu sinto sua falta'? Quer me matar, é isso? Porque se for, fala logo, eu morro logo de uma vez e me poupo de ler outras coisas. Fora esses pedaços de músicas (bem intrigantes) e aquelas 'você continua sendo a única e blablabla'. O que você pretende com isso? Você sabe quanto pesa essas coisas? Não, você nem deve ter idéia. Porque se tivesse, eu tenho certeza de que não faria isso comigo. O que dá mais raiva ainda é ler que eu 'continuo sendo a única' (em inglês, claro, acha que ele vai escrever em público? rs, sonha! Em público pode ser pra qualquer uma, mas pra mim não, nem pensar!) e depois ler aquelas coisas FOFÍÍÍSSIMAAAAAAS pras outras né? 'ah, eu tbm te amo meu amor..', 'aah fofinha *-*' .. pqp! -------------' Meu amor?? Quantas vezes você me chamou assim?? Fofinha? Ah velho, me desculpa mas isso é o cúmulo. Acha que se você quisesse MESMO voltar algum dia, não viria aqui em casa de surpresa, ou sei lá, ligar.. Alguma coisa assim?? Cansei, na boa. E se você tiver fazendo isso pra causar ciúme em mim, ou alguma coisa do tipo, o mínimo que você tá conseguindo é despertar minha raiva. Não vou mais ler essas coisas, e talvez, tomarei medidas drásticas como excluir você de todos os lugares. Eu cansei de ser a bobinha, a que acredita sempre que pode voltar. Não sei mais se quero voltar um dia. Vai com seus amores aí, vai! --'
E vê se me esquece de vez.
Agradeço.

segunda-feira, 26 de abril de 2010

domingo, 25 de abril de 2010

,


(...) Deixe a página virar, é ..

Deixe o coração em flor se abrir (..)

Recomeçar!

Não importa aonde você parou, não importa o que você fez ..
Sempre é tempo de recomeçar!
Hora de rever os conceitos, esfriar a cabeça, pensar positivo.
O mundo não vai acabar se você zerar, se você der á si mesma uma segunda chance.
Recomeçar é renovar as esperanças, recarregar a energia,
e o mais importante: é acreditar que você pode!
Sofreu muito? Cada lágrima serviu como lição.
Chorou demais? Limpou a alma, e renovou a pureza.
Sentiu-se sozinha? Por olhar só a negatividade.
Ficou com raiva? Para aprender o que é perdoar.
Acreditou que tudo estava, de fato, perdido? Para curar de vez todas as feridas!
Agora é a hora!
Hora de olhar pra frente e apagar o que te fez mal no passado!
Hora de olhar no espelho e pensar ' eu sou linda, eu posso!'
Hora de parar de pensar no que os outros vão sentir,
e se preocupar em o que VOCÊ está sentindo!
Hora de ver em como a vida é bela, o céu é azul,
os animais são lindos, e as crianças são inocentes!
Hora de agradecer por mais um dia,
e ver que o sol está sorrindo pra você!
(:

quinta-feira, 22 de abril de 2010

miss u.


Odeio o fato de ter que admitir que você levou metado do meu coração ao partir. Sei que não mudará muita coisa, ou até mesmo nada mas e se eu dissesse que sinto muito a sua falta... Você voltaria? Já parou para pensar que tudo acabou mesmo? Todos nossos planos, todas as promessas... As brincadeiras hoje já não tem mais graça. E você poderá procurar em outras o melhor beijos, o abraço mais aconchegante... Não vai encontrar. Isso porque as melhores coisas da vida são tiradas do coração, e ninguém do mundo terá um sentimento maior e mais sincero como o que eu sinto aqui por você. E pode tentar, tentar, tentar... Uma coisa é certa: Ninguém nunca vai te amar como eu te amo. E a mistura dos nossos perfumes no ar? E os nossos pés se tocando na sua cama? E os nossos filhos, nosso futuro cachorro? (...) Percebe que nada faz sentido agora? Percebe que, por mais que tudo isso 'morra' fisicamente, sempre estará vivo em nossos corações?
Eu espero mesmo, de todo o meu coração, que se não for eu, alguém te faça muito feliz como eu quis. E que essa pessoa nunca faça cair uma lágrima de seus olhos, pois cada lágrima que escorre em sua face equivale á um pingo de sangue do meu coração.
miss u.
lov u.

Sai daqui, corpo estranhooo!
















Cansei de sofrer.
Cansei de perceber como as coisas dão errado pra mim.
Cansei de esperar o que nunca chega.
Cansei de confiar demais em quem não merece.
Cansei de perder meu tempo com coisas banais.
Cansei de amar e não ser correspondida.
Cansei de acreditar que um dia aquilo vai mudar.
Cansei de chorar escondida.
Cansei de ver tantas desgraças ambientais.
Cansei de corrupção.
Cansei de infidelidade.
Cansei de deixar de pensar em mim.
Cansei de acreditar que o tempo é o senhor de tudo.
Cansei de viver em função de alguém que não dá a mínima.
Cansei de me arrepender por não ter feito.
Cansei de omitir minha opinião por medo.
Cansei de me preocupar em o que vão pensar.
Cansei de ver só o lado negro da vida.
Cansei de não me arriscar.
Cansei de acreditar que o amor tem lado bom.
Cansei! Cansei! Cansei!
Quero viver!

terça-feira, 20 de abril de 2010

O que faz você feliz?


O que faz você feliz?
a lua,
a praia,
o mar,
uma rua,
um doce,
uma dança,
paixão,
dormir cedo,
comer chocolate,
passear na cidade,
um carro,
um aumento,
o acaso,
o trabalho ..
O que faz você feliz?
arroz com feijão,
matar a saudade,
goiabada com queijo,
um amor, um desejo,
um beijo na boca,
um dia de sol,
viver um romance,
jogar futebol ..
O que faz você feliz?

segunda-feira, 19 de abril de 2010

alma.

Podemos viver sem os braços, as pernas .. Tudo bem. Mas quando vivemos sem alma somos apenas uma caixa de ossos que se chacoalha por aí.



Pedro (Fiuk) no filme 'As melhores coisas do mundo'.

sábado, 17 de abril de 2010

you are the only exception.

Maybe I know, somewhere
Deep in my soul
That love never lasts
And we've got to find other ways
To make it alone
Or keep a straight face

...

Extremos

Você está com seus amigos e está extremamente feliz. Dois minutos depois seus amigos conversam com outras pessoas e você se sente extremamente triste. Vai pra casa por ter sido dispensada uma aula mais cedo e fica extremamente animada. Mas ao chegar, se depara com as lembranças do seu ex e se sente extremamente carente. Come incontrolávelmente uma barra inteira de chocolate e se sente extremamente culpada. Logo após, vê uma foto sua e repara em como o seu cabelo está bonito e fica extremamente confiante. Minutos depois, sua mãe sai de casa, você vê que todos tem uma coisa mais legal pra fazer e se sente extremamente sozinha. O tempo passa e você muda, com impaciência, todos os canais da Tv tentando preencher o buraco do seu peito com algum seriado enlatado de humor. Mais uma vez, se vê extremamente intolerante. Entra no msn, na esperança de que as coisas melhorem mas lê que o seu ex está muito bem sem você. Você pensa em tudo que viveram e acha que as coisas foram embora por culpa sua. Você se sente extremamente inútil. Extremamente incapaz de fazer alguém feliz. Começa á se render aos sentimentos, e se encontra extremamente sensível. Vai tentar dormir, e percebe como está extremamente cansada. Pára pra pensar e vê que está extremamente no seu extremo.

...

Is this a sign from heaven,
Showing me the light?
Was this supposed to happen?
I'm better off without you,
So you can leave tonight,
And don't you dare come back and try to make things right,
'Cause i'll be ready for a fight, yeah .

sexta-feira, 16 de abril de 2010

só mais uma vez.

Você pensa que teria sido melhor não acordar hoje. Olha as fotos, lembra do que não deveria .. Os bilhetes, os recadinhos, os detalhes que ele deixou .. Tudo tão intacto. Você quer que aquilo pareça feliz, como foi quando aconteceu. Mas infelizmente querer nem sempre é poder. E aquelas recordações parecem tristes. Mas você ainda consegue ver um sentimento ali, uma coisinha chamada esperança que te dá força pra erguer a cabeça e pensar que vai ser bem melhor. Você acredita no tempo; ele se torna, então, seu melhor e seu pior. Seu melhor amigo, seu pior inimigo. Você deposita todas as suas expectativas nele, confia com lealdade na esperança de que ele mude as coisas. Que ele traga algo melhor para o que você vive hoje e agora. Mas no fundo você sabe que tudo só depende de você. E que o tempo, sozinho, não vai alterar nada. E você sabe muito bem disso! Mas tem medo de acreditar em si, medo de olhar a realidade. Medo de ver que tudo mudou mesmo e permanentemente. Por isso, prefere acreditar nos sonhos. Prefere imaginar-se na doce ilusão do mundo perfeito. Nada de medo, nem lágrimas. Nada de sofrimento, nem solidão. Nada disso! Só sorrisos, segredos, carinhos.. Com ele. Aquele que um dia te prometeu fazer feliz, hoje é o motivo principal de suas lágrimas. Aquele que prometeu viver pra sempre com você, hoje mal pergunta se você está bem. E você nem se lembra quando foi a última conversa.. Só reza para que o tempo corra rápido e resolva tudo. E coloque você de volta naquelas lembranças e torne-as reais. Só mais uma vez ♥

domingo, 4 de abril de 2010

♪ São lembranças que o tempo não pode mudar ..

Ah, quanta coisa boa eu tive na minha infância! E esse sentimento que eu sinto é um dos pricipais motivos que me faz lembrar tão bem de como era legal ser criança. Me lembro até hoje dos desenhos que eu assistia, das coisas que eu fazia, das coisas que eu comia .. Era tudo tão bom! Tão legal! Responsabilidade? Nem existia no meu vocabulário! O que eu queria saber mesmo era de brincar e me divertir. Felizmente, eu tive a presença do meu priminho Lê durante todos os momentos bons que vivi, e ele me ajuda á recordar, e a dividir as excelentes lembranças que eu guardo comigo, até hoje! Nessa foto ao lado, fiz uma pesquisa e coloquei as melhores coisas que existiam no mundo naquela época! Eu simplesmente amava ir á praia com a minha família, fazer castelinhos na areia, ir mil vezes no mar buscar água para enxer o rio do castelinho que insistia em secar. Ah! Que delícia! Jogar amendoim para as pombinhas, comer pastel, usar cata-ovo eram as coisas mais divertidas do mundo! Já em casa, o que eu e o Lê mais fazíamos era assistir TV. Acordávamos cedo e começávamos a nossa maratona 'Tv Cultura', que naquela época era a mais divertida, criativa e interessante de todas. Não me lembro muito bem da escola, só lembro que eu e o Lê estudávamos na mesma, e um dia ele caiu de um escorregador e rasgou a testa no chão!! Aquele dia foi muuuito tenso.
Mas voltando, o que me fazia feliz mesmo era ver a criatividade do Rá Tim Bum, aquele programa do ratinho da Cultura, que ia derrubando uma bolinha, que derrubava os soldadinhos, e no final um bolo batia na tela da Tv. Ah, quantas cores!! E os personagens então? Divertidíssimos! Tinha o nosso inesquecível Professor Tibúrcio (que hoje seduz todo mundo sendo ele mesmo no CQC, o Marcelo Tas), a Sssssssilvia, a Fada Dalila (que o Lê era super-apaixonado!), o Euclides, ah, e também o Baú de Histórias que criou aquela tão famosa frase 'Senta que lá vem a história!'. Me lembro que eu e o Lê esperávamos anciosos o programa da Múmia, que tinha sempre uma brincadeirinha de múltipla escolha! Nós sempre interagíamos com os joguinhos! Ah, e o Castelo Rá Tim Bum? Quem nunca assistiu, que atire a primeira pedra. Ninguém nunca vai esquecer do Nino, da Biba, do Pedro, do Zequinha, do Sr Abobrinha, da Celeste! Era tanta interatividade, tantas informações, tantas histórias, tantas novidades!! Tenho certeza que todas as crianças que assistiram Tv Cultura na década de 90, hoje são felizes, animadas, criativas e inteligentes! Lembro que na reprise do Castelo, que era mais ou menos umas 17:30, minha avó assava pão de queijo pra gente, e nossa, era mesmo uma delícia!! Tinha também o Pequeno Urso, super educativo, que deixou muitas memórias na cabecinha de cada telespectador. Até hoje, nos dias de chuva, me pego cantarolando: ♪ Está chovendo lá fora, o relâmpago está roncando, ele foi pra cama com resfriado e por isso está muito bravo .. HAHAHAHA!
Mas não vamos menosprezar as outras emissoras, claro. Afinal, todos os desenhos que passavam naquela década eram os melhores já feitos!! Me recordo dos Ursinhos Carinhosos, que encantavam com aquelas barriguinhas mágicas, e também os Bananas de Pijamas que eram suuuuuper engraçados!! Minha avó teve que fazer um pijama igual ao dos Bananas, dá pra acreditar? Acho que eu era o B2, não lembro! UAHAUHA! E o Barney? Aquele dinossaurinho pink era a coisa mais linda do mundo, e suas musiquinhas as mais animadas!
Podemos falar de tudo da década de 90, mas sem esquecer da rainha, a diva, a que incentivou todas as crianças do Brasil á quererem um beijinho na mão. E detalhe: Nunca abrir, nem lavar, pois senão corria risco de deixar escapar.. A Xuxa, claro! Ah, e sua nave, sua linda e enorme nave era um sonho. Eu e o Lê íamos á feira de pastel no sábado, logo de manhã, e comprávamos Dipilik, aquele pirulitinho que continha uma açúcar mágica, capaz de fazer todas as pessoas que comiam, felizes, e na volta da feira, ligávamos a tv e montávamos nossa cabaninha de almofadas, comíamos nosso Dipilik mágico e assistíamos a rainha!
Gente, eu falei, falei, falei da Tv Cultura e esqueci de um dos desenhos mais legais: Telettubies!! Vamos combinar né? Era um dos melhores! Eu era a Lala, sempre *-* Adorava as histórinhas, o sol, a barriguinha deles, e nooooossa, tenho um segredo!! Lembra daquela meleca rosa? Meu sonho era comer aquilo! Gente, parecia tão gostoso, tão doce, tão bom!! Ah, e pra fechar com chave de ouro, não podemos esquecer de citar os nossos eternos ídolos, os Mamonas Assassinas, que deivaxam crianças e adultos encantados com suas letras engraçadas, e seus hits pegajosos! ♪ Mina, teus cabelo é dahora.. teu corpão violãããaaaao.. meu docinho de coco, tá me deixando louco!
É .. Velhos tempos .. Boas Lembranças ..