segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

NOVO BLOG!

Cansadas de tentar entender sozinhas a cabeça dos meninos, eu e a Leti Prado montamos um blog e vamos falar sobre o que todo garoto deve saber. Apesar do nome, ele não será um blog masculino, queremos meninas se identificando e meninos aprendendo. Conto com a participação de todos que estiveram comigo até agora, é só isso que me motiva a escrever cada vez mais!
O endereço do blog é www.todogarotodevesaber.blogspot.com ! Para quem gostar e quiser dar mais uma forcinha, o nosso twitter é @todogarotodeve ! Sigam-me os bons, haha! :)

Beijocas, e muitíssimo obrigada!

Perdas

Nunca soube lidar com perdas. Morte, namorados, objetos, promoções, nada. Exagerada como sempre, acho que é o fim do mundo e nunca mais vou conseguir ter aquilo de volta. No caso da morte, apesar do exagero, estou certa. A única perda forte que eu já tive pra ela foi a minha avó, que se eu pudesse, traria agora pra ficar aqui comigo. Mesmo em silêncio, só jogando dominó como costumávamos fazer. Resgataria-a antes da doença maldita, com a imagem de saudável ainda. E meus livros, tão queridos que eu emprestei e nunca mais vi a cor. Pegaria todos de volta e leria-os mil vezes, até decorar cada verso. Já com os namorados/rolos, faria diferente. Não pegaria-os de volta como a maioria das coisas. Diria o que senti um dia por cada um, e como eu desejo a felicidade eterna do fundo do meu coração.
Dizem que com o tempo a gente aprende tudo né? Não sei se comigo será assim, acho que perdas sempre serão perdas e vou sofrer tudo o que eu tiver direito.

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

.


Não é porque o céu está nublado, que as estrelas morreram.

Clichê

Ensaiei mil vezes até começar a escrever esse texto, esta deve ser a milésima vez e eu acredito que não dará certo. Vou tentar, rs. Será que é tão difícil escrever para si mesma que nem todos estarão ali quando eu precisar? Nem sempre vou ouvir aquele 'bom dia' animado como resposta, nem sempre terei retorno de meus sorrisos, nem sempre os olhares serão intensos como os meus. Isso, ás vezes, pode ser uma droga! Dá vontade mesmo é de ter tudo aquilo que eu quero, a hora que eu quero. Mas não é possível, sei que não. As pessoas não pensam como eu e muito menos agem assim. É aí que entra aquela velha história de aceitar as diferenças e ser feliz. Não é fácil não. Ainda mais quando você está com aqueeeeela TPM sensível e ninguém puxa assunto no msn, ninguém mostra como se importa com você e o que te resta é uma TV e alguns programas enlatados.
O que resta é acreditar naquela história clichê e seguir com a vida assim. Nada é perfeito.

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

Better together


Não há uma combinação de palavras que eu poderia colocar no verso de um cartão postal
Nenhuma canção que eu poderia cantar mas eu poderia tentar pelo seu coração
Nossos sonhos, eles são feitos de coisas reais
Assim como uma caixa de sapato cheio de fotografias com um tom de sépia do amor
Amor é a resposta pelo menos para a maioria das questões no meu coração
Por que estamos aqui? E para onde vamos? E por que é tão difícil?
Não é sempre fácil e às vezes a vida pode ser enganadora
Vou te dizer uma coisa é sempre melhor quando nós estamos juntos

É sempre melhor quando nós estamos juntos
Yeah, nós olharemos para as estrelas quando estivermos juntos
Bem, é sempre melhor quando nós estamos juntos
Yeah, é sempre melhor quando nós estamos juntos

E todos esses momentos podem encontrar um caminho para meus sonhos à noite
Mas eu sei que eles terão ido embora quando a luz da manhã cantar
ou trazem coisas novas para amanhã à noite, você verá
que eles terão ido embora também, muitas coisas eu tenho que fazer
Mas se todos esses sonhos encontrarem
um caminho para a minha cena do dia a dia
Eu teria a impressão que eu estava em algum lugar no meio
Com apenas dois, só eu e você, não há muita coisa para fazermos
ou lugares que devemos estar
nós sentaremos embaixo da árvore de manga

Yeah, é sempre melhor quando nós estamos juntos
Nós estamos em algum lugar no meio, juntos
Bem, é sempre melhor quando nós estamos juntos
Yeah, é sempre melhor quando nós estamos juntos

Eu acredito em lembranças, elas parecem tão bonitas quando eu durmo
E quando eu acordo, você está tão bonito dormindo ao meu lado
Mas não há tempo suficiente
E não há nenhuma canção que eu poderia cantar
E não há uma combinação de palavras que eu poderia dizer
Mas mesmo assim vou dizer uma coisa
Nós somos melhores juntos


{ Jack Johnson - Better Together}

VIVA!

Tudo muda, tudo troca de lugar!

Eu sei que é clichê dizer que o tempo muda a gente mas é a verdade, ele muda mesmo e muito cada idéia, cada conceito, cada sentimento. É papo de velha, eu sei, mas posso afirmar que não sou a mesma de janeiro do ano passado. E muito menos do ano anterior. Mas isso não faz de mim uma pessoa sem personalidade, e sim, com muita! Até porque, para mudar de opinião tem que ter a cabeça muito aberta. Não é fácil abrir mão daquela convicção de antes e acreditar em novas coisas. Admitir que aquela banda não é mais a sua favorita e nem aquele estilo é o mesmo que faz a sua cabeça. As pessoas mudam. Mas por que será que é tão difícil aceitar isso? Nós vemos claramente as críticas em pessoas que mudam de idéia e eu me pergunto: Por que é tão impossível aceitar isso? A Miley Cyrus, por exemplo, foi bombardeada quando decidiu virar 'mulher de verdade', largar a pose de Hanna Montana e assumir-se como Miley mesmo. Isso não prova que ela se 'rebelou', muito pelo contrário. Mostra que ela se encontrou, viu onde sua personalidade se encaixa melhor e quis dividir isso com todos. Mas as críticas chegam com tudo...
Hoje mesmo estava lendo uma reportagem em que o debate era 'Se masturbar é saudável?' e deu pra ver nitidamente essa mudança na qual eu escrevo. Havia uma menina de 14 anos defendendo a idéia do não, dizendo que era um pecado absurdo, que meninas não deviam fazer isso e coisa e tal. Faltou dizer que é um crime! Já pelo lado oposto, uma menina de 16 anos defendia o sim, lembrando que os especialistas dizendo que é saudável e serve mais para o auto-conhecimento da mulher. Conseguiu ver a diferença? A pequena deve ter essa opinião por causa dos pais, que sempre defenderão a idéia de que as filhas devem ser santas e não devem tomar 'atitudes de menino'. Já a mais velha, pela própria experiência de vida e conhecimento viu que, se até os especialistas dizem que é saudável, pra que se condenar tanto?
Viva a liberdade de expressão, viva a metamorfose ambulante! Somos quem queremos ser, a hora que quisemos e porque quisemos! Aproveite e vista-se como quiser, aja como quiser e SEJA O QUE QUISER!

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

doismileonze..chegou!


É, 2011 finalmente chegou. Com ele, todos aqueles planos de emagrecer 2 quilos, se exercitar, passar menos tempo no computador, sair mais, conhecer gente nova, arrumar um emprego, se dedicar mais na escola... Chegaram também! E aí aparece a questão: Será mesmo que a data muda alguma coisa? Apenas um número diferente faz a gente se sentir novo? Não sei. Talvez sim, talvez não. Talvez com algumas pessoas. Talvez com ninguém. Agora uma coisa é certa: nada vai mudar se NÓS não batalharmos pra isso. Os 2 quilos não vão sumir de um dia pro outro, a vontade de fazer exercícios não vai chegar do além e nada do que prometemos vai se tornar realidade se nós não lutarmos pra isso. A dica que eu dou é essa! Vamos correr atrás dos sonhos e alcançar nosso objetivos. Ainda dá tempo!