domingo, 10 de julho de 2011

Carta ao coração

Querido coração,


Já passou da hora de você cair em si e ver que a vida real não é assim, como você acha que é. Nem todos faram aquilo que você quer sempre portanto, não quero mais te sentir apertado. Dói, eu sei que dói mas ah, vamos lá, quem é o ser que mais funciona nesse corpinho, ein ein? Vo-cê! 
Tumblr_lc1vzuycpc1qd442ho1_400_largeFrancamente, achei que depois de todos os tombos ao longo destes dezessete anos foram o suficiente paa você aprender de uma vez por todas que nada é fácil, principalmente amar. Mais ainda, ser amada. Reconheço a minha culpa em diversos momentos; pensei demais, senti demais, enlouqueci demais... Mas nem por isso você deveria se afetar, poxa.
Ás vezes penso em te congelar sabia? Quem sabe tendo um gelo no lugar de um coração, as situações nos atingem menos. Estou pensando em nós dois, amigo! Não quero te deixar apertadinho, tristinho e também não me quero assim. Gosto de te ver batendo forte e pulsando sangue para todos os lados, radiante e feliz.
Prometo ser menos sensível e mais realista, afinal as pessoas são feitas disso né? rs.


Com amor atenção,
Mayara

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Deixe um comentário!