domingo, 18 de dezembro de 2011

Uma dose de tristeza!

Tumblr_lvht1m5vso1qfh5sao1_500_large



É incrível como a tristeza e a solidão sejam capazes de colocar a gente pra baixo de uma hora pra outra. Não ter soluções que beneficie todos os lados do problema é algo que me machuca profundamente. Por quê não posso ter solução pra tudo? Por quê não consigo, simplesmente, deixar as coisas acontecerem sozinhas?
Sinto como se houvesse uma barreira na minha frente capaz de trazer infelicidade quando alguma coisa boa está prestes a acontecer. Até porque sempre foi assim. Toda a minha vida. Sou aquela típica pessoa de filme americano que quando está atrasada, começa a chover, o guarda-chuva quebra, um carro me deixa ensopada, o ceclular cai na poça, o tênis desamarra... É. Mesmo assim, costumo rir disso tudo.
Nem sempre. Ás vezes é preciso curtir a fossa mesmo, e dane-se o que vão pensar. Podem interpretar mal, podem pensar o que quiser, todo mundo precisa ter seu minuto em paz, de ficar triste e chorar sozinho. A minha mania incessante de querer agradar a todos continua aqui, porém estou aprendendo a lidar melhor com ela e aceitar melhor que isso nunca vai ser possível. Pode até ser que seja, mas quem cuida disso não sou eu.
E as culpas? Continuam, claro. Para se curtir uma boa fossa, é necessário algumas doses de culpa né? haha! Mas me livro delas rápido, sei que faço tudo o que é preciso e se realmente não acontece, é porque não era missão minha mesmo.
E sobre o chorar... Bem... Chorar lava a alma, revigora o corpo e alivia a dor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Deixe um comentário!