sexta-feira, 9 de março de 2012

Jogo da Vida

Gfdxsdfghko%25c3%25b6%25c3%25a4_large

É meu caro, se você ainda não percebeu, a vida é um jogo


E a gente já nasce tendo que saber jogar. Quando somos bebês, temos que aprender os choros certos pra cada  tipo de desejo, aprendemos a falar, andar.. Aprendemos tudo. Já na adolescência, a aprendizagem é ainda mais pesada. O coração, que até então estava lá intocável, aparece como personagem principal e vem querendo tomar todo o roteiro só pra ele. Romance, drama, não importa! Ele quer estar presente e se você não souber lidar com isso, vai cair. E levantar. E cair. E levantar. E vai ser assim até você aprender finalmente o jeito certo de deixa-lo atuar no filme sem ser sua isca. 
Essa vida também não tem botão de pausa, nem de retroceder uma cena, ou passar adiante. O barato do jogo é esse: Você tem que ser cuidadoso com o que diz e o que faz, baseado no passado porém sem saber o que acontecerá no futuro. É... Não é tarefa fácil! Mas a gente tá aqui pra isso né? Jogar e aprender! Porque na hora do game over, o jogo tem que acabar completo! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Deixe um comentário!