segunda-feira, 22 de junho de 2015

Humana

Meetz hugging Brona

Segundo as normas de boa cidadã, devo ser paciente, educada, política e sorridente. Nunca falar palavrão, besteira e até mesmo a opinião. Complica ainda mais se eu disser o que penso e criar desafetos apenas por não concordar com o discurso alheio. Ah, tão fácil ser "boa cidadã". 
Entretanto, como queijo não é goiabada, o que é bom para os outros, pode não ser pra mim. E eu, como boa cidadã que sou, falo palavrão, besteira e se não quiser sorrir, simplesmente não sorrio. Perco a paciência com o trânsito, com a vida. Com gente lerda, burra e dona da verdade. Ah, claro, e sou a minha dona da verdade tantas vezes...
Escuto pop, rock, emo, samba. E não tente me encaixar em um estilo que eu não vou gostar. Dou risadas de piadas machistas e nem por isso me desvalorizo por ser mulher. Sei das trilhões de atividades do dia, mas de vez em quando, tiro aquele cochilinho esperto durante a tarde. Me preocupo com os problemas mundiais, mas antes de tudo, me preocupo com o que está embaixo dos meus próprios olhos como o cachorro da rua passando fome. Sou boa cidadã, sendo humana. Apenas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou? Deixe um comentário!